Seu site acessível para o mundo

internet

Uma das melhores maneiras de conseguir um trafego maior em seu web site é ter o conteúdo do seu site indexado corretamente nos sites de busca. Quanto mais relevante for seu conteúdo para o que está sendo procurado por usuários em sites de busca, maiores são as chances de seu site aparecer em um dos primeiros lugares, e portanto receber um número maior de visitantes. Até ai, tudo bem. Mas...

É evidente que os sistemas de busca fazem o melhor possível para manter suas indexações o mais fiel possível a realidade, afinal o negócio deles é este, mas não é o sistema de busca que determina quais são os sites mais importantes.
Existem diversos parâmetros, diversas formas de determinar a relevância de um conteúdo. Os sistemas de busca utilizam maneiras diferentes para identificar quais os sites mais importantes, e é possível se perceber respostas diferentes em sistemas de busca diferentes, porém geralmente a resposta de todos para maioria das pesquisas é bastante uniforme, demonstrando que realmente a importância do site é grande ou pequena.

Sistemas de busca são programas, aplicativos desenvolvidos por programadores malucos, que desempenham determinadas tarefas, e indexam as informações que encontram, mas o fato é que estes sistemas operam sobre diretrizes específicas, e se você quer que seu conteúdo seja bem indexado, você precisa principalmente entender este tipo de conceito, existem muitas regras para se desenvolver um web site que esteja dentro das regras de boa publicação, na verdade é uma tarefa bastante complicada. Isso quer dizer que, não adianta disponibilizar o conteúdo de qualquer jeito, o conteúdo tem que ser disponibilizado de uma forma que seja amigável para a internet, e isso não quer dizer que tem que ser bonitinho, isso quer dizer que tem que ser desenvolvido, programado, elaborado visando cumprir parâmetros técnicos, para programadores, isso se chama boa prática, para designers, isso pode significar não usar todo seu potencial criativo, e para editores, isso significa vígilia permanente no seu conteúdo, sempre buscando algo original. Cada detalhe faz a diferença em todas as etapas.

 

Vou dar um exemplo clássico de um erro comum, em um outro blog que eu publico conteúdos, seguido nos enviam colaborações, ou até mesmo notícias para publicarmos e tem um contribuidor em específico que sempre enviava o seu conteúdo em uma imagem JPG, ele coloca as fotos, e coloca um texto médio, tudo na imagem.
Se formos analisar, o conteúdo enviado é só um arquivo de imagem no que diz respeito a sistemas de busca. Mesmo que se coloque uma descrição na imagem, o conteúdo real, o texto que o nosso amável contribuidor lá se deu todo um trabalho para colocar em uma imagem, este texto jamais será indexado, pois esta como um arquivo de imagem, e embora os olhos humanos consigam ler o texto, os robôs dos sites de busca "ainda" (já existem protótipos de robôs que conseguem ler texto e identificar rostos em imagens, mas estão ainda um pouco longe da exatidão necessária) não conseguem ler o conteúdo de forma clara, sem contar na população virtual que tem deficiência visual, estas pessoas ficarão sem saber do que se trata.
O resultado é que por mais incrível que seja a informação ali postada, está indexada de forma incorreta (como uma imagem invés de um texto). O resultado é que o conteúdo não vai poder ser indicado corretamente para as pessoas, e não vai receber o valor digital que merece.
Sei que para muitos que estão lendo isso estão pensando que estou falando a coisa mais óbvia do mundo, mas existem milhares de jornalistas formados que não sabem disso, assim como milhares de recém formados em ciências da computação, ou recém saídos de cursos de web design que não sabem disso.
E é freqüente eu estar em um grupo de pessoas que trabalham com internet, ou tem internet como um dos principais meios de comunicação para sua empresa, e ninguém entender direito como funciona a publicação de conteúdos na internet, é muito comum pensarem que é só "largar lá", ou "jogar la pra dentro"  e pronto.

Eu vejo a internet como algo serio, apesar de ser divertido.
Todas estas regras de publicação foram criadas para tornar o acesso ao conteúdo melhor. Ninguém foi lá e botou uma lei para dificultar a acessibilidade (ta bom, o IE é um dificultador), no grande geral, todas as regras de publicação de conteúdo servem para justamente possibilitar que seja extraido o máximo da informação publicada. O plano é simples, todo mundo achar o que procura o mais rápido possível.

Então, um dos pontos que quero estabelecer é justamente este, o formato da apresentação do conteúdo faz diferença na hora que o seu conteúdo é indexado ( não tanto o formato visual, mas as questões técnicas de publicação). Portanto, saber qual tecnologia utilizar, qual o formato, e entender como o conteúdo será rastreado se torna importante para todos os sites.  Ainda mais hoje em dia que as ferramentas de rastreamento e indexação estão muito sofisticadas e avançadas.

Outra coisa que é importante saber, é que a internet é uma rede caótica.
Tudo na internet é a partir de links. É muito fácil de você iniciar a navegação em um site, e acabar em outro site completamente diferente, ou como no meu caso, com dezenas de tabs abertas.

Ser uma ilha de informações na internet é muito ruin! Os sites de busca só vão encontrar o teu site se houver algum site apontando para o seu onde os robos estiverem passando, esta probabilidade já é pequena, mas se não houver nenhum site linkando para o seu, os robos nunca vão te achar.

Aqui no Revista Internet eu vou expor algumas técnicas para assegurar que seu site seja bem visualizado e tenha seu conteúdo explorado da melhor forma possível.