Ser humorista no Brasil é competir com o absurdo da realidade

Desde as eleições de 2018 o Brasil entrou em um caos midiático além de um caos em todos os outros níveis da sociedade.
O presidente eleito no Brasil em 2018 é a pessoa mais absurda do planeta, motivo de chacota internacional. O problema para os comediantes é encontrar uma maneira de fazer piada, pois a realidade é tão absurda, mas tão absurda que realmente fica difícil.