Pronunciamento de Bolsonaro é a maior alucinação da história

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro conseguiu fazer o seu pior pronunciamento de toda sua história como presidente. Desta vez, apesar de praticamente todo povo Brasileiro estar ciente da grande ameaça e o enorme risco de contágio que representa o vírus Covid-19, Bolsonaro insistiu em chamar de "gripezinha".  Ousou dizer que era atleta e que por este motivo não teria efeitos com o vírus, mesmo sabendo que dias antes o Japão havia cancelado as Olimpíadas, ou seja se o caso fosse de ser atleta, algo que o Bolsonaro não é e nunca foi, não haveria a necessidade de cancelar as Olimpíadas, onde estariam reunidos os maiores e melhores atletas do mundo.

O presidente Bolsonaro criou alarme em toda mídia nacional e inclusive estrangeira, pois todos sabem que o Brasil é um país com muitos pobres, idosos, crianças, e pessoas que estão seriamente dentro do grupo de risco.
Demonstrou que é mais uma vez, completamente inapto ao cargo que ocupa e que está desdenhando de dados coletados no mundo inteiro.

Se torna evidente que o presidente ou desconhece a ciência, ou simplesmente não se importa com o povo Brasileiro em que parte, mesmo que pequena, votou para elege-lo.

O Canal dos Galãs Feios lançou um vídeo criticando em tom de deboche os absurdos que o Presidente Brasileiro, Jair Bolsonaro teve a audácia de falar em um pronunciamento de 4 minutos em cadeia nacional para o Brasil inteiro. Colocando em risco, para quem está desinformado, milhares se não milhões de pessoas e trazendo nenhuma solução ou proposta para resolver o problema.

Enquanto outros países lutam duramente para combater o alastramento do vírus, e já anunciaram até mesmo um salário universal, que é uma estratégia muito eficiente e comprovadamente gera resultados positivos na sociedade, no Brasil o Bolsonaro e seu ministro de economia tentaram lançar uma Medida Provisório para impedir contratos empresariais, onde funcionários deixariam de receber salários.

O descaso com a população e incapacidade de tomar decisões acertadas do governo de Bolsonaro entra para a história do país como um dos maiores erros já cometidos pela democracia Brasileira ao ter eleito um presidente notoriamente incompetente e inapto, e talvez até mesmo insano, como alguns já começam a questionar.