O Cérebro de quem é bilíngue pode ter algumas vantagens

Segundo alguns estudos realizados por cientistas, pessoas que falam 2 ou mais línguas tem algumas vantagens na formação de seu cérebro. Embora estas vantagens sejam bem sutis, elas existem e podem representar melhor envelhecimento e melhor capacidade cognitiva. Ter uma capacidade cognitiva um pouco maior pode em alguns casos representar uma tremenda facilidade para determinadas pessoas que se valem por exemplo de interação com outras pessoas completamente diferentes delas próprias, e ajuda também a entender e compreender o outro.

Na reportagem em vídeo da BBC feita pela Malu Cursino, ela explica algumas das nuances que são detectadas fisicamente nos cérebros das pessoas bilíngues.

Apesar de os estudos ainda não serem absolutamente conclusivos, qualquer pessoa que tem a oportunidade de aprender outro idioma, seja ele qual for, sente a diferença em ampliação de compreensão.
Conseguir entender outras línguas aumenta nossa capacidade de compreensão do mundo, e até mesmo formas diferentes de concatenar ideias por causa da forma como as línguas diferentes são compostas.

Resumindo, além de ampliar sua capacidade de comunicação, aprender outros idiomas pode ser algo que traz benefícios diretos para a saúde do seu cérebro.

É claro que isto não quer dizer de forma alguma que pessoas que falam mais de um idioma são superiores, ou nem mesmo mais inteligentes do que pessoas que falam apenas um idioma, e este fato precisa ser dito para que não haja confusão sobre as implicações de aprender outros idiomas.
Saber falar outros idiomas apenas revela que se adquire novas ferramentas para raciocinar e que isso altera a estrutura cerebral de forma física e que tem alguns resultados colaterais reais na vida das pessoas.