Network - Filme de 1976 retrata a manipulação da mídia

Em 1976 foi produzido um filme dirigido por Sidney Lumet que mostra uma realidade diferente. A manipulação da mídia feito por grandes corporações e conglomerados que visam audiência e lucro sem se preocupar com a qualidade moral do que é transmitido. O filme gira em torno de um ancora de TV que esta deprimido e acaba falando umas "loucuras" no ar. A partir da grande audiência obtida, produtores com poucos escrúpulos decidem aproveitar o momento de alta audiência para lucrar.

network-filme-1976

Ao utilizar a rede de televisão para expressão raiva, o ancora acaba incitando o povo, mas os motivos por trás das suas transmissões são bastante revoltantes também. Enquanto assistindo a grande crítica a mídia manipuladora, não se pode deixar de refletir o quanto a capacidade de ser manipulado o ser humano realmente é. E não podemos deixar de questionar quais são e quem são os verdadeiros manipuladores de hoje.

Recomendo este filme, além de ser uma excelente trama, e que traz um diálogo sobre a realidade dos tempos modernos, também é um filme muito bem dirigido, e os atores fazem um trabalho de dramatização muito bom. O filme Network recebeu diversos prêmios pelo mundo todo e quem assistir certamente vai gostar.




Em 1977 ganhou o Oscar
Venceu nas categorias de Melhor Ator (Peter Finch), Melhor Atriz (Faye Dunaway), Melhor Atriz Coadjuvante (Beatrice Straight) e Melhor Roteiro Original (Paddy Chayefsky).

Faye Dunaway .... Diana Christensen
William Holden .... Max Schumacher
Peter Finch .... Howard Beale
Robert Duvall .... Frank Hackett
Wesley Addy .... Nelson Chaney
Ned Beatty .... Arthur Jensen
Arthur Burghardt .... Grande Ahmed Kahn
Bill Burrows .... diretor da televisão
John Carpenter .... George Bosch
Jordan Charney .... Harry Hunter
Kathy Cronkite .... Mary Ann Gifford
Ed Crowley .... Joe Donnelly
Jerome Dempsey .... Walter C. Amundsen
Conchata Ferrell .... Barbara Schlesinger
Gene Gross .... Milton K. Steinman
Beatrice Straight .... Louise Schumacher

Espero que curtam.