Intolerância ao ateísmo

Ateísmo é o termos usado para o grupo de pessoas que não acredita em deuses. Não existem termos similares para outros exemplos similares, como por exemplo quem não acredita em fadas ou duendes. O termo é prejudicial porque faz parecer com que todas as pessoas que não acreditam em deuses tenham algum tipo de vinculo, quando na verdade, não existe vinculo algum entre ateus, afinal só concordam em uma única coisa: Não acreditam nas hipoteses apresentadas que alegam existir algum tipo de ser superior.

O Yahoo recentemente publicou uma matéria sobre pessoas famosas que não acreditam em deus, e os comentários dos crentes em algum deus são impressionantemente violentos e agressivos.

O Vlogger Pirulla fez um vídeo ressaltando alguns dos comentários, e achei interessante e pertinente  mostrar aqui este vídeo.

Do meu ponto de vista, é impossível acreditar em deus, por não haver evidencias de nada sobrenatural, e ate agora, tudo que descobrimos, não trouxe fatos novos que pudessem reverter esta realidade, pelo contrário, a cada descoberta científica, constatamos que as coisas existem sem intervenção alguma. Outra questão importante é entender de onde vieram as histórias dos deuses que as pessoas acreditam, acho que isso é o tipo de informação que muita gente não se preocupa em descobrir.
Por exemplo, cristão não procura descobrir como a bíblia foi fabricada,  e assim por diante.

Acho que ameaçar pessoas é cruel, não pela ameaça em si, já que, para quem é ateu, ameaças de inferno são engraçadas, mas pela intenção.
Acho que se todos que creem em algum deus, se dessem ao menos o trabalho de pesquisarem como surgiu sua crença específica, teriam uma compreensão melhor de por que pessoas como eu e tantas outras não acreditam em deus.

Para verem os comentários na matéria do Yahoo, por favor acesse o URL abaixo:

http://br.omg.yahoo.com/fotos/eles-n%C3%A3o-acreditam-em-deus--1315404384-slideshow/ 

 

E peço, se houver algum crente lendo, que por favor procure entender antes de criticar ok? Muito obrigado.