Henry Bugalho faz vídeo analisando o pronunciamento de Bolsonaro sobre a Pandemia

Mais uma vez, vemos o pior presidente eleito no Brasil fazendo um pronunciamento que coloca em risco centenas de milhares de pessoas, caso sigam suas visões distorcidas e desprendidas da realidade.
Enquanto países do mundo inteiro estão buscando impedir o alastramento e disseminação do vírus, o Presidente Brasileiro entra em cadeia nacional para fazer descaso da enorme pandemia que o mundo está enfrentando.

O Presidente Brasileiro desconhece ou desdenha dos dados científicos e através desta atitude, coloca pessoas em risco propositalmente, sem a minima noção do problema que está causando, para um país onde muitos não tem nem saneamento básico, onde não há médicos suficientes para lidar com os problemas da população no dia a dia.
A atitude do presidente chega a ser praticamente criminosa ao dizer que o Covid19 é uma "gripezinha" em cadeia nacional, em sua tentativa de fazer com que as pessoas retornem ao trabalho, que sigam seu dia a dia normalmente.
O medo de Bolsonaro é de que a economia do Brasil vá afundar ainda mais do que já afundou desde que assumiu o governo, porém, com ações como a que tomou em relação ao enfrentamento do vírus, ele acaba expandindo muito mais o problema e tornando o Brasil um país mais arriscado ainda para dinheiro estrangeiro investir.
Bolsonaro governa para os ricos, e por este motivo, ele precisa representar a classe que o mantém no poder, os empresários ricos, que não se importam com os números de infectados ou mortes, desde que os lucros não parem. Uma atitude abominável e lamentável.

Vejam abaixo o que o filósofo Henry Bugalho tem a dizer sobre o ocorrido.