Filmes que todos os gerentes deveriam assistir

os-filmes-que-todo-gerente-deve-ver

No final de janeiro o jornal Valor Econômico publicou um artigo “Gerente que é bom vai ao Cinema”, falando a respeito do livro "Os Filmes Que Todo Gerente Deve Ver - Aprenda nos Cinemas o Que Você Precisa Saber Sobre Gestão" Marco A. Oliveira e Pedro Grawunder, Editora Saraiva. Há tempo saiu uma lista de filmes que valem por uma sessão de coaching (dica 10 do blog da Ana Claudia Milani). Com certeza, alguns filmes são verdadeiras lições de como gerenciar uma equipe, tirar o melhor de cada grupo.
Neste final de semana, a convite do meu filho, fiz uma imersão no cinema: foram 5 filmes; diferentes entre si, todos ótimos. Cada um me trouxe uma reflexão, colocou um espelho em minha frente ou uma “pulga atrás da orelha”.
O cinema, assim como a literatura, o teatro, a dança, as artes plásticas... têm como matéria prima as relações humanas, os sentimentos individuais, os conflitos. Exatamente a mesma dos gerentes. Então não é necessário fazer uma lista com filmes recomendados, todos podem contribuir: um novo ponto de vista sobre uma situação rotineira, o despertar de um sentimento, a visualização de uma realidade diferente, relações vistas com olhar externo, muitas possibilidades!
Apesar de todas as lições, em minha opinião, o melhor de tudo é distanciar-se da realidade pessoal e profissional, relaxar, curtir as manifestações artísticas com alma e corações abertos, sem preocupações com ganhos secundários ou aprendizados, pois estes ocorrerão de forma natural.
Não vou dividir, aqui, os meus aprendizados, cada um tem os seus, mas os filmes sim: Les Misérables, O Lado Bom da Vida, Lincoln, Amour e Django. Escolha os seus e aproveite!

 

Texto por:  Ana Cláudia Milani