Eleições em cheque por medo dos Militares

Depois de tantas denúncias de corrupção nas Forças Armadas do Brasil e já prevendo a eminente derrota de Bolsonaro nas eleições que possivelmente resulte em uma investigação severa no alto escalão das forças armadas pode ser fator motivador para a intenção de interferência nas eleições do Brasil.
Acontece que urnas eletrônicas não são fraudáveis e definitivamente são muito mais seguras que urnas de voto impresso, essas sim tem muito mais chances de serem fraudadas. Com o histórico do exército militar em causar fraudes para se colocar no poder no Brasil, nenhuma hipótese pode ser descartada e a intenção de dar palpite na forma como as eleições devem ser realizadas pode ser um forte indicativo de que os militares assim como todas as forças armadas do Brasil temem a cobrança do povo, que enquanto passavam fome, viam as notícias de compras de picanha, de leite Moça, de viagra, de gel lubrificante entre outros excessos absurdos. o povo vai cobrar com certeza explicações, e as explicações terão de ser dadas de forma clara, algo que esta gestão tem muito medo, afinal, até conversas com pastores são colocadas em sigilo de 100 anos.

Veja o que o pessoal do Meteoro notifica sobre a situação:

A ameaça golpista é algo que o povo precisa perceber e se manifestar contra, afinal, ninguém mais aguenta este governo e a continuidade disso só vai piorar.