Documentário: Hippies - History Channel - Resumido e Cronológico

Documentário lançado pelo History Channel em 2007, Hippies traz um bom relato sobre todas as situações em cronologia de eventos sobre o movimento Hippie nos Estados Unidos.

O documentário de uma hora e meia traz a história dos hippies desde o surgimento do LSD, demonstrando quem foram as principais pessoas envolvidas em divulgar e disseminar a utilização do LSD. O documentário junto tanto os aspectos sociais da época junto com os eventos políticos dos EUA e do mundo. O movimento Hippie surgiu por amor e paz, mas teve um longo percurso, fazendo parte da vida de muitas pessoas que também ajudaram para divulgar o movimento. Artistas como os próprios Beatles fizeram parte dessa história.

O documentário apesar de tocar levemente em cada assunto, mostra que existe um estudo profundo, exibindo diversas facetas da época, até mesmo mencionando Lavey, o Papa Satânico, e Aleister Crowley, que inclusive está em uma das capas dos Beatles.

O documentário mostra o que aconteceu em São Francisco, quando a população de Hippies ficou enorme, assim como também passa por toda história do Woodstock, seus artistas e até mesmo as influências religiosas relacionadas ao movimento.

Até mesmo Charles Manson é mencionado. Trazendo em detalhes, os acontecimentos da época.

Chegando finalmente, em pessoas como o Steve Jobs, que praticamente inventaram o mundo moderno a partir daquele período que para muitos foi um despertar para uma nova realidade.

O interessante deste documentário é a forma como várias pessoas de vários lugares e pontos de vista diferente dão depoimentos, explicando como era o movimento e o que aconteceu, e o History Channel montou de forma cronológica  todos os eventos da época. Podemos nitidamente entender o início do processo e o que foi acontecendo durante o processo de divulgação, com novas pessoas aderindo ao movimento atéa chegada do fim do movimento original.

hippies

Outro fator que achei interessante durante o documentário inteiro é o fato de que o History Channel não tentou passar uma "moral" sobre o que é certo ou é errado e se ateve principalmente aos fatos e acontecimentos em sua sincronização de acontecer.

Recomendo o documentário como fonte para obter informações rápidas e apesar de em muitas casos, superficiais, entender a cronologia de eventos que fizeram parte do movimento Hippie sem dúvidas é interessante.