Compartilhar é importante, mas depende para quem

Dependendo do que você compartilha na Internet, inevitavelmente o seu perfil começa a ficar vinculado a determinados termos. Portanto, um perfil deprimido, cheio de lamentações, geralmente vai atrair mais idéias tristes.
Ser vinculado a coisas que te importam e idéias que você valoriza, podem ser a diferença entre utilizar as redes sociais de forma vantajosa ou não para você.

Digamos que eu curto aprender sobre a Natureza, então eu vou a medida que navego, compartilhando informações sobre o que eu considero ser uma bom material sobre a Natureza, mesmo que este material não seja meu, eu estou compartilhando ele com as pessoas que por acaso irão ver o meu perfil, e se elas gostam das mesmas idéias, elas podem me seguir, e por consequência, eu seguir elas.

Claro que existem muitos autores que tem necessidades diferentes de montar um perfil online e decidir o que compartilhar.
Mas estou falando no caso do usuário comum, da pessoa que usa o Twitter  , Google Plus ou Facebook com forma de entretenimento e recebimento de informações. Para o usuário comum o estes sites podem ser uma excelente forma de receber informações e entretenimento mas é necessário ter um perfil que seja pertinente ao conteúdo que você gosta, portanto tudo que você compartilha se torna também um indicador de sua preferência. Independente do termo ser positivo ou negativo, você está vinculado a ele.
Por exemplo:  Se eu colocar no Twitter - "eu odeio pizza", meu perfil fica vinculado a palavra "Pizza" e acreditem, pode ser que pizzarias comecem a me seguir.

Perfis que são amplamente negativos, em fazem conotações negativas, ou passam reclamando e criticando, acabam por sua vez atraindo exatamente mais conteúdo do qual eles reclamam, isso porque independente de você estiver curtindo ou não, você está se colocando presente no stream deste conteúdo e o resultado pode se tornar o oposto do que você esperava ou gostaria que acontecesse.

Compartilhar é super importante para gerar um perfil online, e você não precisa nem ter um site e criar o seu próprio conteúdo, você pode acessar um site com coisas que te agradam, e compartilhar estas informações com seus amigos.
Pessoas que curtem as mesmas coisas que você poderão então te seguir confiantes que você vai estar sempre contribuindo de volta.

Qual a vantagem de ser seguido e seguir de volta?

Eu diria, para quem é usuário comum e não tem planos de ser um comunicador de massas, que a principal vantagem de ser seguido é poder transmitir os seus pensamentos e suas idéias para pessoas que queiram recebe-las.
Você seguir as pessoas é uma grande vantagem, você pode ficar sabendo de coisas  que você nem sabia que estavam acontecendo. Todo conteúdo é filtrado por humanos, pelas pessoas que você está seguindo, portanto é bem importante, quando você decidir seguir alguém, você dar uma conferida no perfil de quem você está prestes a seguir. No momento que você clicar no "Seguir" está pessoa será notificada de seu cadastro, e portanto saberá da sua existência. Se ela vai te seguir de volta ou não, é decisão dela, mas você está agora publicamente veiculado a ela pela escolha de segui-la.

O que você compartilha ajuda a definir quem você é digitalmente

Tudo que você compartilhar ajuda a determinar o tipo de informação que te interessa. Se você não compartilha nada, não está de fato gerando um perfil digital eficiente, e pior que isso, está fazendo com que quem te segue e quem você segue definam o seu perfil, pois você está veiculado a estas pessoas  que estão compartilhando conteúdo.
Desta forma, uma pessoa pode chegar até você a partir de uma informação que foi compartilhada por alguém que te segue. Algo totalmente aleatório.

Faça certo de que sua presença digital está de acordo com os seus interesses.